8 de junho de 2010

Na minha ilha

Em 90 anos de vida, Henri Salvador (1917 - 2008) construiu, em uma carreira de mais de seis décadas, uma das pontes mais criativas entre a canção francesa com estilos musicais de outros lugares, como a música americana, os ritmos latinos e caribenhos e até a bossa nova brasileira.

Seu repertório incluía clássicos do jazz, esquetes, canções divertidas, boleros e mambos. No Brasil, era admirado por muitos, em especial por Caetano, que em 1981 gravou Dans Mon Île, e que o homenageia em Reconvexo, perguntando: "Quem não sentiu o suingue de Henri Salvador?".

Nenhum comentário: